terça-feira, 15 de junho de 2010

Vontades

Às vezes quero sumir e às vezes quero morrer,
às vezes não vejo o amor em seus olhos e às vezes nem te vejo,
às vezes quero correr a te você e às vezes quero core de você,
às vezes quero chorar e às vezes quero sorrir,
às vezes só quero te amar e às vezes quero te odiar,
às vezes grito o que sinto e às vezes eu me calo,
mais sempre sempre que você chega perto meu coração dispara
e eu choro de quando sorrio, sumo no brilho de seus olhos
vejo um futuro feliz com você e vejo que tudo me leva a você,
por mais que tento fugir,
mas sempre sempre mesmo eu quero estar com você.


(Diego Candido)

2 comentários:

  1. voc ér foda demais, (: hsuahsu'
    te amo paaks, sz.

    ResponderExcluir
  2. sentimentos, sentimentos...as vezes tão complexos... lindo o texto!

    ResponderExcluir